Promovendo Saúde

Esporte é Saúde

Desenho de bonequinho pedalando.

ESPORTE É SAÚDE

A Medicina já comprovou que praticar atividades físicas regularmente é um dos pilares para auxiliar na prevenção de diversas doenças, tais como hipertensão arterial, infarto do miocárdio, derrame, diabetes e muitas outras.

A atividade física regular é muito mais que um modismo. Além de manter a boa forma, pode ser a fonte da longevidade. De acordo com os dados do Ministério da Saúde, a prática de exercícios diminui em 37% os riscos de sofrer de câncer e em 54% as chances de ter problemas cardíacos.

OS EXERCÍCIOS FÍSICOS SÃO FUNDAMENTAIS PARA PESSOAS DE TODAS AS IDADES

A atividade física regular é indicada para pessoas de todas as faixas etárias, sempre sob a orientação conjunta de um médico e um profissional de Educação Física, que indicarão os melhores exercícios, de acordo com o perfil do praticante.

Algumas pessoas, em função de determinadas doenças ou limitações físicas, precisam de um maior acompanhamento, pois a intensidade e os tipos de movimentos precisam ser cuidadosamente indicados.

Em especial para os portadores de diabetes, os exercícios físicos proporcionam:
? Melhora no controle da glicemia (taxa de açúcar no sangue), devido à maior queima de glicose (açúcar). Ou seja, o exercício diminui o nível de açúcar no sangue;
? Melhora no controle do peso corporal, devido à queima de calorias. Com isso, ajuda a diminuir e manter o peso adequado;
? Melhora na saúde como um todo, estimulando a circulação; melhorando a pressão arterial; fortalecendo os pulmões e o coração; ajudando a manter os ossos fortes;
? Ajuda a diminuir o estresse e a ter mais energia, causando sensação de bem-estar físico e mental.

DICAS IMPORTANTES PARA COMEÇAR A PRATICAR

? A consulta com o seu médico é fundamental antes de iniciar a prática de qualquer atividade física;
? Realize os exercícios sob a supervisão de um profissional de Educação Física;
? Escolha uma atividade que o agrade, isto ajuda a manter a motivação;
? Comece devagar a sessão de exercícios. Andar pode ser uma boa forma de iniciar;
? Use roupas apropriadas para exercitar-se, como meias de algodão e calçados confortáveis;
? Nunca exercite-se em jejum;
? Os portadores de diabetes devem verificar a taxa de glicemia antes e depois do exercício;
? A hidratação é fundamental para qualquer exercício. Beba bastante água.
? É importante respeitar os limites do próprio corpo, diminuindo o ritmo do exercício sempre que estiver ofegante.

MEXA-SE! O SEU CORPO VAI AGRADECER

Os efeitos benéficos da atividade física não estão relacionados somente à hipertensão arterial e à diabetes. Exercitar-se melhora tanto a condição física quanto mental. A atividade física proporciona aumento da concentração de HDL (o bom colesterol); reduz o colesterol total e o triglicerídeo no sangue; oferece uma maior capacidade vital e um melhor metabolismo das gorduras; além de auxiliar no controle do peso.

A perda de peso, associada à prática de atividades físicas, acelera a queda da pressão arterial. Além de manter o corpo em movimento, colabora na eliminação de gordura e contribui para o ganho de massa muscular.

Os melhores exercícios para se queimar gordura são aqueles que podem ser feitos continuamente e envolvem grandes grupos musculares, como os das pernas e os das costas. São exemplos desses tipos de exercícios: subir escadas, correr ou nadar. Quanto mais músculos forem usados, mais gordura é queimada.

A CAMINHADA É UMA ÓTIMA OPÇÃO

? Aumenta a auto-estima e a longevidade;
? É uma atividade física que praticamente não gera custos para praticá-la;
? Não exige equipamento caro, basta um tênis adequado, roupas leves e confortáveis;
? Pode ser praticada em qualquer lugar e no horário de sua preferência.

COMECE AS MUDANÇAS NO DIA-A-DIA

? Troque o elevador pela escada;
? Vá andando até a padaria;
? Pare o carro mais longe e caminhe um pouco até o trabalho;
? Salte antes do ponto de ônibus pretendido e caminhe um pouco mais.

PREVINA-SE DAS LESÕES TRAUMÁTICAS

A atividade física é necessária e extremamente prazerosa, mas deve ser praticada de forma correta, prevenindo-se das lesões traumáticas.

As lesões traumáticas mais comuns podem ser divididas em dois grupos:
? Crônicas – Decorrentes da constante repetição de movimentos de uma determinada atividade.
? Agudas – Produzidas em conseqüência de trauma instantâneo, direto ou indireto. Das lesões agudas, as mais freqüentes são as contusões. As entorses são um pouco menos freqüentes. Muitas vezes o termo contusão é usado como sinônimo de uma luxação ou lesão mais grave.

A contusão é freqüente no futebol. Neste casos, quando surgem situações de qualquer tipo de trauma, é fundamental a imobilização do local afetado e encaminhamento imediato para um serviço médico.

As entorses são lesões que acometem principalmente as articulações dos membros inferiores. São lesões de um ou mais ligamentos, quando uma articulação é movimentada em amplitude maior que a normal, porém sem evidenciarmos luxação ou fratura. Das articulações mais acometidas, temos o tornozelo, seguido pelo joelho. Ocorrem principalmente na prática de esportes como futebol, basquete e tênis. Geralmente está relacionada à irregularidade do piso e ao tipo de calçado usado na atividade física.

As torções também inspiram cuidados especiais, neces-sitando também de atendimento médico de urgência.

É PRECISO MUDAR E A HORA É AGORA: MEXA-SE!
CONSULTE UM MÉDICO ANTES DE INICIAR QUALQUER TIPO DE ATIVIDADE FÍSICA. EXERCITE-SE SEMPRE COM A ORIENTAÇÃO DE UM PROFISSIONAL DE EDUCAÇÃO FÍSICA.